CRTIC Guarda

O CENTRO DE RECURSOS TIC PARA A EDUCAÇÃO ESPECIAL DE GUARDA (CRTIC), iniciou a sua atividade no ano letivo de 2007/2008 e faz parte de uma rede Nacional de 25 centros, sedeados em Agrupamentos de Escolas, espalhados pelo território nacional.
A criação da rede nacional dos CRTIC decorre de uma política de inclusão de alunos com Necessidades Educativas Especiais (NEE), de caráter permanente, nas escolas de Ensino Regular, estando o setor regulamentado pelo Decreto Lei n.º 3/2008, de 7 de janeiro.
Esta legislação define os apoios Especializados em Educação Especial, descrevendo as medidas educativas a aplicar, entre as quais fazem parte a medida educativa TECNOLOGIAS DE APOIO.
Cada CRTIC é constituído por uma equipa de docentes designada pelo diretor do Agrupamento de Escolas, onde se encontra sedeado, normalmente dois docentes de educação especial e um docente de informática.
O CRTIC da Guarda está sedeado na ESCOLA SECUNDÁRIA DE AFONSO DE ALBUQUERQUE e dispõe de instalações próprias, apetrechadas com tecnologias de apoio.

Atribuições

OS CRTIC, na qualidade de entidades prescritoras, têm como atribuições:

a) a avaliação de alunos com necessidades educativas especiais, que necessitam de produtos de apoio para aceder ao currículo, a fim de garantir a inclusão educativa destes alunos;

b) o registo dos produtos de apoio prescritos na plataforma SAPA, nos termos da Portaria n.º 192/2014, de 26 de setembro, e demais legislação regulamentadora;

c) a aplicação do modelo de ficha de prescrição de produtos de apoio no âmbito do SAPA, nos termos da Portaria n.º 78/2015, de 17 de março, e demais legislação regulamentadora;

d) a prestação de serviços de informação, formação e aconselhamento aos professores e comunidade educativa em geral, no que respeita à utilização dos produtos de apoio;

e) a promoção de sessões públicas no âmbito das necessidades educativas especiais e da utilização de produtos de apoio, tendo como destinatários docentes, técnicos e encarregados de educação;

f) a criação de parcerias que possam enriquecer as dinâmicas do Centro de Recursos, através da articulação local com os serviços de saúde e da segurança social, instituições de ensino especial, autarquias, instituições do ensino superior e entidades vocacionadas para as necessidades educativas especiais em geral;

g) a sensibilização de empresas e de serviços públicos para a admissão de alunos em programas de transição para a vida pós-escolar.

Área de abrangência

A área de abrangência do CRTIC da Guarda estende-se aos concelhos de Almeida, Belmonte, Celorico da Beira, Figueira de Castelo Rodrigo, Fornos de Algodres, Guarda, Meda, Pinhel, Sabugal e Trancoso.

Mapa da área de abrangência do CRTIC da Guarda
Área de abrangência do CRTIC da Guarda